R.A.P. (Letra) – Oriente

5

MUSICA
R.A.P. – Oriente

RAP é o som
Quem serve age na humilde e não se cresce
Din din dom
A família está unida e assim ficará
RAP é o som e pra mim tá sempre bom
R.A.P.
R.A.P.
R.A.P.
Resistência ao poder
E não importa o quanto eles tentem
Nossa carcaça é resistente
Eu te pergunto o que te prende?
E a resposta na sua frente
Infelizmente…
Você quem forja sua própria corrente
Revolução
Cabeças em senzalas de geração em geração
O tempo vai dizer, trombetas avisarão
Os anjos vão descer, profecias devastarão
Eles lutam pelo poder, mas o poder nunca terão
Eles podem nos conter, mas nunca nos deterão
Éramos poucos loucos
Hoje somos legião
Um país precisa de educação
E a revolução
O poder das mãos
Nenhum esforço nunca é em vão
Quem tá certo corre, quem tá errado fica…
No país da impunidade quem fala muito se complica

Seu poder se encontra nas balas de um fuzil
Prostitui a nação e saqueia o Brasil
O dia da independência ainda é primeiro de abril
Genocídio dos índios, domínio mercantil
Colônia de exploração, esgoto à beira do rio
O caráter e a verba sempre sofrendo desvio
O poder não é deles, o poder é do povo
Se cortar da raiz ele nasce de novo



Hoje somos legião
Um país precisa de educação
E a revolução
O poder das mãos
Nenhum esforço nunca é em vão
Quem tá certo corre, quem tá errado fica…
No país da impunidade quem fala muito se complica

Seu poder se encontra nas balas de um fuzil
Prostitui a nação e saqueia o Brasil
O dia da independência ainda é primeiro de abril
Genocídio dos índios, domínio mercantil
Colônia de exploração, esgoto à beira do rio
O caráter e a verba sempre sofrendo desvio
O poder não é deles, o poder é do povo
Se cortar da raiz ele nasce de novo

Progresso sem rumo, ordem sem progresso
Resistência ao poder, arte é câmbio e não comércio
Transmitindo na TV falsa noção de sucesso
Minha vida não vale mais do que um papel impresso
Guaranis Kaiowá, Tamoios e Carajás
Muitos morrem de fome pra vocês terem demais
Movimento faço o meu, contra seu poder em excesso
Greve geral do sistema, ocupação do congresso

O poder da caneta muda o rumo do universo
(De verso em verso, de verso inverso, diverso em verso)
Em meio à bomba e tiroteio uso o MIC como arma
É o exército do RAP, respeite a palavra

R.A.P. – Oriente